Altin Gün

Altin Gün

Altin Gün S07, Sábado 26/10, 21h30 -00h00 X voltar Altın Gün (“Dia Dourado”) mostram-nos o que acontece quando se abrem as portas entre as canções folk turcas e a mistura de ritmos funk, guitarras wah-wah e órgãos analógicos. O grupo de Amsterdammers vindos de várias parte do mundo está na linha da frente deste movimento que procura reinventar e reinterpretar a música folk feita na Turquia, recuperando as canções dos seus heróis e dando-lhes uma nova vida. É nesta terra de ninguém entre dois mundos que a música de Altin Gün vive, como comprovado no…continue reading →
Bruno de Seda

Bruno de Seda

Bruno de Seda S02, Quarta 23/10, 21h30 -00h00 X voltar Bruno de Seda é um obreiro da canção, um iniciado nos cantos de Vénus, um inquisidor da sentimentalidade e um inquilino permanente no corpo de Bruno Martins, cantor e teclista de Equations. Conserva sob o seu robe os tons, os ritmos e os diários que recolhe e concebe nas suas jornadas ao hemisfério dos sentimentos. Desembarca na praia evocando a chuva na areia com sintetizadores suaves e guitarras que evocam as ânsias selvagens dos corações ardentes. https://www.youtube.com/watch?v=p3r78rBNyN4 bilhete sessão S02: 12€   Comprarcontinue reading →
Carne Doce

Carne Doce

Carne Doce S02, Quarta 23/10, 21h30 -00h00 X voltar Considerada uma das principais bandas de indie rock no Brasil, Carne Doce foi fundada em 2013, em Goiânia, pelo casal Salma Jô e Macloys, a quem se juntaram João Victor Santana e Aderson Maia.O grupo estreou-se nas edições discográfica em 2014 com o lançamento de um disco homónimo, considerado um dos melhores álbuns do ano. Em 2016, seguiu-se "Princesa" e, em 2018, "Tônus", disco que vêm apresentar na sua estreia em Lisboa. Mais do que um disco aclamado pela crítica, o espectáculo Tônus, apresentação explosiva e…continue reading →
Plantasia por Moullinex e Bruno Pernadas

Plantasia por Moullinex e Bruno Pernadas

Plantasia por Moullinex e Bruno Pernadas S05, Sexta 25/10, 21h30 -00h00 X voltar 1976, Mother Earth Plant Boutique, Los Angeles. Aqui, todos os que entrassem na lendária loja para comprar uma planta saíam de lá com mais um amigo: o álbum “Plantasia” (1976). Composto por Mort Garson, “Plantasia” foi escrito para plantas e para pessoas que as amam. Mais do que uma ode - e que ode - a estes seres vivos e aos fascínios do processo de fotossíntese, “Plantasia” (1976) é a epítome da beleza dos sintetizadores, capturada na paisagem sonora criada…continue reading →